Normal view MARC view ISBD view

Efeito de doses crescentes de fungicidas cúprico no controle da ferrugem do cafeeiro :

by Braga, J.B.R; Mariotto, P.R; Gerardo Junior, C; Silveira, A.P; Arruda, H.V.
Publisher: 1974Other Title: Effect of increasing amount of cupric fungicides on the control of the coffee rust.Subject(s): ENFERMEDADES DE LAS PLANTAS | CONTROL DE ENFERMEDADES | ENFERMEDADES FUNGOSAS | HEMILEIA VASTATRIX | ENFERMEDADES FOLIARES | FUNGICIDAS CUPRICOS In: Fitopatologia (ALF) v. 9(2) p. 45Summary: A determinacao de uma dose eficiente e economica de fungicida a ser aplicado nos cafezais tem sido um dos aspectos mais considerados no controle químico da ferrugem. Um ensaio foi feito para esta determinacao envolvendo 5 dosagens do fungicida Coprantol (oxicloreto de cobre 50 por cento, de 1,5 a 7,5 kg/ha, em duas localidades (Jaú e Mococa) do Est. S. Paulo. As avaliacoes foram feitas baseadas na por cento de infecao das folhas, em amostras colhidas a intervalos de 30 dias. Os dados obtidos mostraram que a 1,5 kg/ha nao houve controle, mas nos tratamentos usando dosagens superiores a 3 kg/ha, houve eficiente controle. concordando com os dados existentes em literatura. Considerando os aspectos práticos das pulverizacoes, área foliar, potencial de inóculo, etc. as recomendacoes de controle deverao localizar-se entre 3 a 4.5 kg/ha de Oxicloreto de cobre a 50 por cento.ultosan e Plantvax-Vitavax.
    average rating: 0.0 (0 votes)
No physical items for this record

++Sólo sum

A determinacao de uma dose eficiente e economica de fungicida a ser aplicado nos cafezais tem sido um dos aspectos mais considerados no controle químico da ferrugem. Um ensaio foi feito para esta determinacao envolvendo 5 dosagens do fungicida Coprantol (oxicloreto de cobre 50 por cento, de 1,5 a 7,5 kg/ha, em duas localidades (Jaú e Mococa) do Est. S. Paulo. As avaliacoes foram feitas baseadas na por cento de infecao das folhas, em amostras colhidas a intervalos de 30 dias. Os dados obtidos mostraram que a 1,5 kg/ha nao houve controle, mas nos tratamentos usando dosagens superiores a 3 kg/ha, houve eficiente controle. concordando com os dados existentes em literatura. Considerando os aspectos práticos das pulverizacoes, área foliar, potencial de inóculo, etc. as recomendacoes de controle deverao localizar-se entre 3 a 4.5 kg/ha de Oxicloreto de cobre a 50 por cento.ultosan e Plantvax-Vitavax.

Click on an image to view it in the image viewer