Normal view MARC view ISBD view

Respuesta de germoplasmas de Coffea arabica L. a benzil adenina y giberelina

by Sondahl, M.R; Mónaco, L.C; Fazuoli, L.C; Medina Filho, H.P; Lima, M.A. de.
Publisher: (Jul-Set 1977)ISSN: 0041-4360.Other Title: Response of Coffea arabica germoplasms to benzyl adenine and gibberelic acid; Resposta de germoplasmas de Coffea arabica L. a benzil adenina e giberelina.Subject(s): COFFEA ARABICA | GERMOPLASMA | ESTIMULO | ACIDO GIBERELICO | COFFEA ARABICA | GERMPLASM | STIMULI | GIBBERELLIC ACID | COFFEA ARABICA | GERMPLASM | STIMULUS | ACIDE GIBBERELLIQUE | G - BENZILADENINA | FOTOPERIODISMOOnline Resources: Es | Es In: Turrialba (IICA) v. 27(3) p. 215-219Summary: As informaçoes sobre o comportamento fotoperiódico tem indicado que o cafeeiro é uma planta de dias curtos. Entretanto, respostas diferentes tem sido encontradas em diferentes oportunidades. O presente trabalho foi realizado visando identificar o comportamento de diferentes germoplasmas a períodos de dias curtos e dias longos. Plantas de quatro meses, progenies de "Acaiá", "Catuaí Amarelo" e tres híbridos entre "Mundo Novo" e germoplasma introduzidos da Tanzania e India, foram submetidas a dias normais e dias longos de 18 horas por um período de nove meses. Tratamentos adicionais com ácido giberélico e benzil adenina foram feitos em cada fotoperíodo. Foram medidos a taxa de crescimento, peso seco e área foliar. Os resultados indicam que os germoplasmas reagem diferencialmente {hooka}s condiçoes de fotoperíodo. O "Catuaí Amarelo" mostrou-se pouco afetado pela exposiçao a dias longos, reagindo pouco a tratamentos adicionais de ácido giberélico e benzil adenina. As progenies híbridas apresentaram maior desenvolvimento em dias longos. A exposiçao a 18 horas de luz levou a maior produçao de internódios no "Acaiá" do que nos demais germoplasmas
    average rating: 0.0 (0 votes)
No physical items for this record

1 ilus. 7 ref.

As informaçoes sobre o comportamento fotoperiódico tem indicado que o cafeeiro é uma planta de dias curtos. Entretanto, respostas diferentes tem sido encontradas em diferentes oportunidades. O presente trabalho foi realizado visando identificar o comportamento de diferentes germoplasmas a períodos de dias curtos e dias longos. Plantas de quatro meses, progenies de "Acaiá", "Catuaí Amarelo" e tres híbridos entre "Mundo Novo" e germoplasma introduzidos da Tanzania e India, foram submetidas a dias normais e dias longos de 18 horas por um período de nove meses. Tratamentos adicionais com ácido giberélico e benzil adenina foram feitos em cada fotoperíodo. Foram medidos a taxa de crescimento, peso seco e área foliar. Os resultados indicam que os germoplasmas reagem diferencialmente {hooka}s condiçoes de fotoperíodo. O "Catuaí Amarelo" mostrou-se pouco afetado pela exposiçao a dias longos, reagindo pouco a tratamentos adicionais de ácido giberélico e benzil adenina. As progenies híbridas apresentaram maior desenvolvimento em dias longos. A exposiçao a 18 horas de luz levou a maior produçao de internódios no "Acaiá" do que nos demais germoplasmas

Click on an image to view it in the image viewer